Publicidade

Diário Liberdade
Quarta, 08 Agosto 2018 00:13 Última modificação em Domingo, 12 Agosto 2018 02:39

Organização de direitos humanos denuncia torturas a menores palestinos em prisão israelense

Avalie este item
(0 votos)
País: Palestina / Repressom e direitos humanos / Fonte: Prensa Latina

Vários depoimentos de meninos palestinos revelam que foram golpeados e submetidos a torturas sistemáticas durante e após a detenção por parte das forças israelenses, denunciou ontem (07) em Ramallah a Comissão de Assuntos dos Presos.

A advogada dessa organização, Hiba Ighbarieh, documentou os depoimentos de três menores detidos na prisão de Majido, sobre o que sofreram durante e após sua detenção.

Munir Dari, de 16 anos, do bairro de Issawiyeh em Jerusalém oriental ocupado, disse à licenciada que depois de sua detenção vários membros das forças de segurança israelenses o golpearam a esmo por todo o corpo.

Uma vez no centro penitenciário, o adolescente também foi objeto de golpes e maldições para que confessasse as acusações que lhe imputavam.

Fahd Qeisieh, de 17 anos, também da comunidade de Issawiyeh, recebeu pauladas após ter sido detido durante os confrontos entre a comunidade palestina e as forças israelenses em sua comunidade.

O jovem revelou que um policial o abordou e o arrastou até um automóvel da polícia, onde outro oficial se parou sobre suas costas enquanto outros dois o golpeavam violentamente e o obrigavam a permanecer no solo.

Os golpes continuaram na prisão de Majido, na qual foi açoitado com um pau nas mãos, nas pernas, na cara e nas costas, enquanto o obrigavam a se ajoelhar para que confessasse as acusações que lhe imputavam.

Firas Masri, de 17 anos, também foi duramente atacado por vários soldados quando foi preso em um posto de controle do exército perto da cidade de Qalqilya, no norte da Cisjordânia.

O menor relatou que foi jogado no chão coberto de pedregulho, golpeado na cabeça e nas costas, posteriormente foi vendado e algemado, para finalmente ser arrastado pelo solo durante uma longa distância antes de ser lançado em um jeep militar e levado a uma estação da polícia no assentamento de Ariel.

Outro advogado da Comissão de Assuntos dos Presos, Hussein a el-Sheikh, denunciou que outros dois adolescentes, Mohammad Hadieh, de 16 anos; e Fawzi Masalmeh, de 18 anos, ambos do distrito de Belém, apresentaram declarações juradas sobre golpes que receberam durante a detenção.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar