Publicidade

Diário Liberdade
Sábado, 07 Janeiro 2017 20:41

Bolívia: a plurinacionalidade avança

[Elaine Tavares] Quando a nova Constituição boliviana instituiu o Estado Plurinacional em 2009, dando status de autonomia para as nacionalidades que mantém seus territórios originais, abriu-se um longo debate sobre como essas etnias iriam efetivar, de fato, essa autonomia. Esse nunca foi um tema fácil pois as comunidades originárias também tem muita gente espalhada por outros espaços, que não os tradicionais, e outros tantos integrados à cidades e departamentos por todo o território nacional.

Publicado em América Latina

A Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB) encarou com repúdio e indignação a nova decisão do governo Temer que pretende, através de decreto, colocar fim à demarcação das terras indígenas, extinguindo dessa forma 80% do seu território. Segundo a nota lançada pela organização, "o governo está nada mais do que decretando o agravamento dos conflitos, da violência, da discriminação, do racismo e da criminalização contra os povos indígenas".

Publicado em Brasil

[Elaine Tavares] O golpe parlamentar/judicial e midiático vivido pelo Brasil em 31 de agosto desse ano colocou para os povos originários mais uma barreira. Não que o governo de Dilma Roussef tenha sido muito favorável às demandas indígenas, mas a presença de Michel Temer na presidência acrescenta nova energia à bancada legislativa que representa o agronegócio e o latifúndio. Essa bancada - de corte conservador, quase fascista - é a que quer mudar a Constituição, tirando do executivo a decisão de demarcar terras indígenas e passando essa função para o Congresso. E, além de definir as novas demarcações, os deputados também poderão questionar e revogar as demarcações já realizadas. Isso significa um retrocesso sem precedentes para a dura luta dos povos indígenas.

Publicado em Brasil

Mais de 300 feridos, 26 dos quais com gravidade, é o saldo do bárbaro ataque lançado pela polícia, na noite de domingo, contra os «protectores da água» em Standing Rock, no Dacota do Norte, EUA.

Publicado em Opiniom Própria

O relatório Violência Contra os Povos Indígenas no Brasil – Dados de 2015, publicado pelo Conselho Indigenista Missionário (Cimi), evidencia a permanência do quadro de omissão dos poderes públicos em relação aos direitos dos povos indígenas, especialmente em relação ao direito à terra, o que impacta drasticamente no direito deles viverem de acordo com o seu modo tradicional, ambos reconhecidos e garantidos pela Constituição Federal.

Publicado em Brasil
Sexta, 09 Setembro 2016 11:08

Os índios da Pradaria

[Rui Silva] Os Lakota, também conhecidos como índios da pradaria, são um povo indígena da América do Norte, cujas terras originais se estendiam pelos actuais estados norte-americanos do Dacota do Sul e do Norte.

Publicado em Mundo

[Lizely Borges] Além das lutas diárias para reconhecimento da diversidade dos povos indígenas e combate à estigmas, as ações recentes dos Poderes de Estado intensificam as violações de direitos humanos destes povos.

Publicado em Brasil

[Hidalgo Romero] Justiça local beneficia ações de reintegração de posse de fazendeiros, em terras do Povo Kariri Xocó.

Publicado em Brasil

A expulsão dos povos nativos de suas terras para posterior distribuição a indivíduos não-indígenas responde a uma lógica do uso da terra para exploração, especialmente por meio da produção agrícola.

Publicado em Brasil

Massacre. A palavra resume o resultado do ataque sofrido na manhã desta terça-feira, 14, pelos Guarani e Kaiowá da terra indígena Dourados-Amambai Peguá, município de Caarapó (MS).

Publicado em Brasil

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar