Publicidade

Diário Liberdade
Terça, 27 Novembro 2018 19:26

Preços do crude – porque é que é uma boa altura para investir?

Avalie este item
(1 Voto)
/ Resenhas

O mercado do investimento online está aí à mão de semear. Muitos podem agora investir em qualquer bolsa ou mercado, à distância de um clique. Investir pode simplesmente significar apostar em algo ou tentar rentabilizar algum do dinheiro que tem disponível. Apresentamos-lhe um caso de estudo sobre o preço do barril de crude americano, e porque é que agora é uma boa altura para investir.

Os preços do barril americano estão em queda abrupta

Os preços do crude americano estão em queda. Na verdade, atingiram no passado dia 13 de Novembro de 2018 os preços mais baixos do ano, descendo 7%. A compra e venda de crude americano atingiu os preços mais baixos do ano, após conseguir registar quebras durante 12 sessões seguidas. Este dia foi mesmo um dos mais negros para o crude, atingindo a maior série de perdas seguidas desde 1983. Em sentido contrário, o investimento no gás natural subiu mais de 8%, atingindo um dos níveis mais altos nos últimos quatro anos. No presente, estamos numa das melhores alturas para investir em gás natural, uma vez que os preços não param de subir.

Alguns analistas acreditam que tudo isco é culpa dos Estados Unidos. Matt Badiali, analista sénior na Banyan Hill Research diz que “Os Estados Unidos começaram toda esta problemática ao sancionarem o Irão, tendo depois aliviado essa mesma sanção. Hoje mesmo, o Irão continua a produzir e vender crude”. Para além do aumento de produção e do alívio das sanções americanas contra o Irão, a China está também interessada em captar o excedentário de produção de crude, o que acaba por não ser suficiente.

Um relatório recente da Administração e Informação Energética espera que a produção de crude em sete localizações primordiais aumente cerca de 1,4% para 7,944 milhões de barris de crude por dia. Portanto, parece que a produção não vai diminuir – e o excesso de oferta pode mesmo levar a que os preços desçam ainda mais.

Não é essa a visão partilhada por Badiali. Acreditando que o crude Saudita está a atingir o máximo de produção, e que essa taxa não pode ser mantida por muito tempo, todos os países produtores de crude estão agora “a produzir como se o Irão não estivesse a fazê-lo também”, o que não é verdade; acabando por injectar mais petróleo no mercado, estamos a garantir que os preços se mantêm baixos.

O Presidente Trump também está a causar a sua quota-parte de controvérsia. Após ventilar os seus pensamentos no Twitter, dizendo em Setembro que os preços do crude estão demasiado altos, rejubilou agora com o que aparenta ser um dos preços historicamente mais baixos desta commodity. Após notícias recentes de um potencial corte de produção por parte da Arábia Saudita e a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP, em inglês OPEC), o Presidente Trump esboçou o seu descontentamento, dizendo que os preços “deveriam ser ainda mais baixos, se olharmos apenas para a oferta de crude do mercado”. Resta apenas saber como é que a Arábia Saudita e o OPEP vão responder a estes “ataques”.

Porque é que é uma boa altura para investir, com base no preço do crude?

Pode ser uma altura primordial para investir nas acções do crude. A tendência do mercado aparenta mostrar que os preços estão a atingir mínimos históricos, que irão subir dentro de pouco tempo. Assim, poderá agora comprar acções deste produto, na esperança de as vender mais tarde.

No entanto, os impactos do crude em índices como o Standard & Poor 500 (S&P 500) tem que ser levado em linha de conta.

sp500

A figura acima mostra a variação das últimas quatro décadas entre o índice S&P 500 e os preços do crude. Parece haver duas tendências principais, tendo havido uma mudança drástica do comportamento da relação crude-acções há cerca de 15 anos atrás. Até então, um aumento do preço do crude era traduzido num decréscimo no S&P 500 no mês seguinte, enquanto que nos últimos 15 anos aparentamos ter uma tendência completamente inversa. Um aumento nos preços do crude aparenta traduzir-se num aumento do valor da S&P 500 no mês seguinte.

É portanto uma altura primordial para investir em acções e seguir a tendência que se tem observado. Monitorizando os preços do crude poderá ser uma indicação para em que acções investir, uma vez que os efeitos parecem directamente proporcionais, e não o oposto.

Alguns especialistas acreditam que isto se deve a receios derivados da grande crise financeira de 2008-09 e que as tendências voltarão ao que eram até há 15 anos atrás. No entanto, e como não sabemos quanto tempo esta correlação positiva vai estar presente – que, note-se, é estatisticamente significante com 95% de confiança – esta é a altura primordial para investir, quer no crude, quer na S&P 500.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar