Publicidade

Diário Liberdade
Quarta, 19 Abril 2017 09:45

Castelhano e galego, mesma lógica?

Avalie este item
(1 Voto)
Diego Bernal

Clica na imagem para ver o perfil e outros textos do autor ou autora

O espanhol ou castelhano, umha das línguas mais faladas do planeta, é língua oficial em vários países.


Umha língua oficial em vários países nom pode ser uniforme, como nom o som outras línguas planetárias como o francês ou o inglês.

Quer dizer, ao igual que acontece com outros idiomas de importáncia internacional, o espanhol é falado de maneiras muito diferentes, pois o esquisito seria que vários centos de milhons de pessoas falassem a língua do mesmo jeito.

Essas diferenças afetam os diversos aspetos da língua: o léxico, a morfologia, a sintaxe e a fonética. Portanto, podemos dizer que o espanhol nom é unitário senom um mosaico de variedades, chegando inclusive a nom haver intercompreensom entre falantes ou a existir, por vezes, umha comunicaçom parcial entre eles.

Recentemente, o escritor e jornalista Vítor Freixanes afirmou, ao ser eleito novo presidente da Real Academia Galega, que do que ele tinha certeza era que um senhor de Ponte Vedra nom falava igual a um senhor de Braga ou do Alentejo. Talvez seja bom acrescentar às declaraçons do senhor Freixáns –permita-se-me que agora escreva o apelido como recomenda a Academia que preside- mais obviedades: Um senhor de Madrid nom fala igual a um de México DF ou de Buenos Aires, nem um senhor de Paris fala igual a um de Montreal, nem um senhor de Londres fala igual a um de Nova Iorque.

Declarou também o novo o presidente da RAG que esta instituiçom tem a obrigaçom de dignificar e defender o idioma. E se começássemos por dignificar e defender o idioma aplicando a mesma lógica do espanhol, do francês e do inglês ao galego?

O ponto de partida do senhor presidente é bom, pois todos concordamos, certamente, que em Compostela, Lisboa, Brasília ou Luanda nom se fala igual.

gz pt castelao

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar