Publicidade

Diário Liberdade
Sábado, 26 Novembro 2016 14:20

Fidel, uma Revolução de utopias

Avalie este item
(1 Voto)
Ilka Oliva Corado

Clica na imagem para ver o perfil e outros textos do autor ou autora

Tivemos o privilégio de nossa geração ter conhecido um homem que marcou a história da América Latina e do mundo. O estadista mais brilhante que a Pátria Grande pôde parir. O lutador incansável pela equidade, pela igualdade social e pela justiça. Tivemos a honra de ter conhecido a integridade em palavra e ação, de um homem que demonstrou com sua própria vida que a consciência, os ideais e os princípios nem se compram nem se vendem. Se defendem!


Um líder autêntico e natural. Um incansável defensor dos direitos humanos e da liberdade dos povos maculados pela opressão e pelo opróbio. Coincidimos na história do tempo, com um homem leal, lúcido e consequente. Não existem palavras que alcancem expressar nem na poesia mais bela, nem no discurso mais estudado, a transcendência de um ser humano como Fidel.

A imortalidade poucos ganharam na história da humanidade, Fidel é um deles. Deixa um legado de amor, irmandade e consequência política e humana nos povos do mundo. Qualquer um que pense em Revolução, em qualquer lugar do mundo, deve ter como guia Fidel e o povo cubano. Qualquer um que pense em rebelião terá que saber que o mesmíssimo Fidel Castro Ruz o é. É uma rebelião imitável em cada célula e em cada palavra. Em cada ação, em cada anseio e na utopia transformada em realidade.

Fomos privilegiados por conhecer um dos homens mais distintos de todos os tempos. Nosso dever é dar continuidade a seu legado. Nos deixa uma enorme lição de humanidade e humildade. De irmandade. De integridade, identidade e consciência.

Não se deve chorar Fidel, devemos aprendê-lo e honrá-lo. Celebrar e agradecer ter havido um irmão que passou pela terra deixando marcas inapagáveis na dignidade dos povos. Honrá-lo em nossas lutas pelos mesmos ideais: um mundo justo, equitativo e igualitário. Livre.

Fidel não se vai, permanece na imortalidade do tempo, nos corações e nos anseios dos povos que lutam por sua liberdade.

Fidel não se vai, se transformou em poesia, vento, luz, se fez rio, vulcão, caminho. Se transformou em uma Revolução eterna que nem a morte poderá curvar.

Ilka Oliva Corado

@ilkaolivacorado

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

26 de novembro de 2016, Estados Unidos.

Tradução do Diário Liberdade.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar