Publicidade

Diário Liberdade
Publicidade
Publicidade
Domingo, 14 Mai 2017 10:26 Última modificação em Quarta, 17 Mai 2017 23:58

A Petrobras paga sua dívida à custa do Futuro

Avalie este item
(0 votos)
País: Brasil / Batalha de ideias / Fonte: Diário Liberdade

[Rodrigo A. de Lima Araújo] O medo é uma estratégia utilizada pela plutocracia para se manter no exercício do poder.

Enxergamos este fato quando a grande mídia é posta como uma ferramente para construir uma opinião pública favorável às classes dominantes e aos interesses do capital estrangeiro. 

A exemplo disso, vemos que o povo brasileiro é bombardeado diariamente com notícias de corrupção da Petrobras, criando assim uma sensação de crise tecnológica, operacional e financeira na empresa. Mas com um objetivo muito claro - para os informados - que é apresentar ao povo brasileiro o que seria a única solução para o pagamento da dívida: A PRIVATIZAÇÃO.

Caso a população brasileira acompanhe esse desmonte proposital da Petrobras, com a falácia de "limpar o país da corrupção", de forma bestializada, estaríamos concordando com o entreguismo da nossa maior riqueza em nome do medo que está sendo criado pela burguesia. Entregaríamos uma empresa de valor inestimável por preço de banana com a justificativa de que a Petrobras não consegue pagar sua dívida.
Ou de que o rombo causado pelos corruptos é irreversível, e a salvação do país é vendê-la. O pior disso tudo, é que já vimos esse filme.

A questão aqui é o pensamneto liberal, esse tipo de política que a burguesia defende é ultrapassada e burra. A criminalização de um único partido, de uma única classe política, pelos instrumentos jurídicos entregues aos interesses burgueses faz total sentido quando conseguimos fazer a relação correta. A onda de privatização barrada lá atrás pelo governo Lula, hoje retorna nas mãos do golpista Michel Temer.

Faz total sentido pensar as relações que tem a Lava-Jato, o PSDB, Globo, impeachment da Dilma e a tentativa de desmoralização da Petrobras. Acordaaaaaa... querem entregar nossa maior e última riqueza. Sem a soberania do pré-sal, por exemplo, o Brasil não teria nenhuma influência na economia mundial. Voltaríamos ao regime de Colônia, não querendo aqui cometer o erro do anacronismo, mas é basicamente isso. Nossa posição em relação as grandes nações mundiais seria inexistente. Nosso futuro auto-sustentável deixaria de existir.

As grandes economias capitalistas do mundo têm muito à ganhar com a confusão estabelecida no Brasil. O papel da mídia aqui se faz de forma mais covarde possível. A grande mídia com suas notícias bombas, alimentando a classe trabalhadora de desinformação propositalmente, convence às massas à crerem que a Petrobras vou afundada pela grande rede de corrupção. De fato existe um furo no casco causado pelos acordos corruptos entre a empresa estatal e as empreiteiras. Acordos esses que não poderiam resumir todo o trabalho e empenho de milhões de trabalhadores, diretos e indiretos, da Petrobras que fazem essa empresa ser uma das mais competitivas do mercado internacional do petróleo. 

Não espere acordar numa manhã ensolarada com a notícia "A Petrobrás paga sua dívida à custa do futuro"

*Texto de Rodrigo A. de Lima Araújo - Em busca da utopia!

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar