Publicidade

Diário Liberdade
Quinta, 28 Junho 2018 06:55 Última modificação em Terça, 03 Julho 2018 19:10

28 de junho de 1918: começa a nacionalização das grandes indústrias na Revolução Russa

Avalie este item
(2 votos)
País: Rússia / Laboral/Economia / Fonte: Causa Operária

No dia 28 de junho de 1918, acontecia finalmente o ápice de todo um processo de luta operária na Revolução Russa, com a promulgação pelo Sovnarkom (Conselho do Comissariado do Povo) do decreto de nacionalização das grandes indústrias e estabelecimentos comerciais. A ação tinha como foco converter as propriedades privadas em propriedades estatais, nos principais setores e empresas da economia russa.

Voltando um pouco, em maio de 1918, o Congresso Panrusso de Conselhos de Economia Nacional se reúne em Moscou, participando delegados do Vesenkha (Conselho Supremo da Economia Nacional da União Soviética), de seus glavki (Conselho de Trabalho e Defesa) e os sindicatos. Os Conselhos Operários ou Sovietes enquanto colegiados, ou corpos deliberativos, constituídos de operários ou membros da classe trabalhadora que regulam e organizam a produção material de um determinado território, ou mesmo indústria, foram a principal força revolucionária para pressionar esse processo, pois dentro da sociedade russa havia uma grande sabotagem da burguesia e até mesmo de sindicalistas. Os sindicatos estavam subordinados ao Estado, bem como os sovietes eram o corpo e o Estado à cabeça do processo revolucionário, segundo o que fora decidido no primeiro Congresso Panrusso de Sindicatos.

Assim, enquanto a guerra civil contra as potências invasoras estava latente para os revolucionários, em meio a tantos processos complexos de luta dentro da revolução que tinha apenas 7 meses, em 28 de junho de 1918 se inicia esse fundamental passo da nacionalização de todas as indústrias principais na URSS. Dessa forma, o trabalhador passa a prestar serviço para o avanço coletivo de sua sociedade e não mais para si mesmo.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar