Publicidade

Diário Liberdade

Os ataques à caravana de Lula no sul do País mostraram de forma inequívoca a necessidade de os trabalhadores e a esquerda em geral se organizarem contra a direita, cuja violência é crescente.

Publicado em Brasil

Durante todo o trecho sulista da caravana de Lula, a extrema-direita organizou provocações, agrediu militantes com porretes, facas, chicotes e até tiros de armas de fogo em uma emboscada no meio da estrada.

Publicado em Brasil

A direita golpista, a mesma que disparou contra a caravana de Lula, que coordenou o assassinato de Marielle, e que defende os militares no Rio e no resto do País, convocou, para o dia 03 de abril, um ato que visa defender a prisão do ex-presidente.

Publicado em Brasil

Depois de pauladas, pedradas, chicotadas, covardes agressões a mulheres e idosos, sem terras e outros trabalhadores indefesos, os ataques dos bandos fascistas da direita contra a caravana do ex-presidente Lula no Sul do  País, foram feitos com armas de fogo, na última terça no Paraná. Por pouco não há vítimas fatais.

Publicado em Brasil

A caravana de Lula pelos Estados do Sul do País, como é de conhecimento público, vem sofrendo diversos ataques da direita fascista. Identifica-se aí uma mobilização das forças mais reacionárias e retrógadas do Brasil com o objetivo único de intimidar violentamente a maior liderança da esquerda mundial, ou seja, o ex-presidente Lula.

Publicado em Brasil

A agressão ao padre Idalino Alflen (foto acima), presente no evento que recepcionaria Lula, em Foz do Iguaçu (PR), quando avistou pessoas atirando pedras contra a militância, abriu os braços em sinal de protesto e foi agredido por um fascista covarde que partiu para cima dele com uma moto e o agrediu no rosto, quebrando seu  nariz, somou-se a uma série de agressões organizadas pela direita durante a caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelos estados da região Sul, na última semana.

Publicado em Brasil

As agressões contra os participantes da caravana de Lula pelo Sul do País trouxeram novamente à tona a necessidade de combater a extrema-direita. Essa necessidade tem se colocado desde o início do golpe de Estado, quando os coxinhas começaram a sair nas ruas pedindo o impeachment, fazendo propaganda da ditadura militar e agredindo gratuitamente tudo o que passava por ali que tivesse qualquer menção à cor vermelha.

Publicado em Brasil

Onde estavam o PCB, PSTU, PSOL e demais movimentos que se reclamam da esquerda classista ou socialista quando um punhado de ruralistas, bolsonarianos e direitistas variados mobilizaram-se fisicamente contra a “Caravana Lula pelo Brasil”, em Bagé, RS, na segunda-feira, 19 de março de 2018, e impediram que Lula da Silva se apresentasse em Passo Fundo, na sexta-feira, 23?

Publicado em Opiniom Própria

Já há alguns meses, a cena política belga parece ferver com o crescimento recente do PTB, de tradição Marxista-Leninista, que quadruplicou o número de militantes nos último anos, elegeu dois deputados para o parlamento federal nas últimas eleições – além de dois na Valônia e quatro em Bruxelas – e tem uma presença forte nos movimentos populares e sindicais.

Publicado em Mundo
Sábado, 24 Março 2018 16:32

Caravelas e preconceitos

O Brasil de hoje, apesar de golpeado por uma corja de políticos nacionais que "batem as orelhas" para o imperialismo e forçam a destruição das conquistas democráticas introduzidas por Lula a partir de 2003, revela a pujança de um povo que assume a sua consciência patriótica e de trabalhadores.

Publicado em Opiniom Própria

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar