Publicidade

Diário Liberdade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Quarta, 30 Agosto 2017 12:43

Sim, ainda existe tráfico humano em Portugal

Avalie este item
(0 votos)
País: Portugal / Laboral/Economia, Migraçons / Fonte: ACP-PI

No passado dia 11 de Agosto, uma operação de controlo do SEF na zona de Beja acabou com uma dezena de trabalhadores agrícolas resgatados.

A denúncia foi feita pelas próprias vítimas do que seria mais um esquema de tráfico para fins de exploração laboral, em pleno século XXI e num suposto país desenvolvido da União Europeia como é considerado Portugal. A investigação está agora a cargo do Ministério Público.

Iludidos com falsas propostas de trabalho, estes trabalhadores, “recrutados” nos seus países de origem foram trazidos para Portugal com a promessa de uma melhor qualidade de vida. Ao chegarem, confrontados com condições degradantes, dão por si envolvidos num esquema de tráfico e de escravatura, onde são obrigados a ficar sob o controlo dos supostos patrões, responsáveis por determinar os horários de trabalho e quais as tarefas a executar, não lhes sendo dada qualquer liberdade. Em troca, não recebiam um salário, mas sim pequenas quantias de dinheiro que iam usando para sobreviver e eram chantageados com a ideia de que não teriam outra solução que não a de se sujeitarem, já que nunca iriam conseguir “regularizar” a sua situação no país.

Trabalho que, para além de ilegal por não ser declarado, é acima de tudo desumano, sujeitando os trabalhadores a serem prisioneiros do seu próprio ofício numa espiral de vulnerabilidade e de precariedade da qual não conseguem sair, dada a sua condição de imigrantes. Foi também para este tipo de situações que foi criada a Lei 55/2017 de 17 de Julho, a qual veio melhorar os mecanismos de reconhecimento do contrato de trabalho (previsto na anterior Lei 63/2013), dando legitimidade ao Ministério Público para agir e reconhecer a existência de contrato de trabalho perante situações como esta de trabalho não declarado.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar