Publicidade

Diário Liberdade
Quarta, 25 Julho 2018 13:57 Última modificação em Terça, 31 Julho 2018 23:35

58% dos venezuelanos preferem que governo Maduro resolva problema econômico Destaque

Avalie este item
(1 Voto)
País: Venezuela / Reportagens / Fonte: AVN

Uma pesquisa realizada pela Hinterlaces entre os dias 2 e 18 de julho revelou que 58% dos venezuelanos preferem que nesta nova etapa da Revolução Bolivariana seja o presidente da República, Nicolás Maduro, que resolva os atuais problemas econômicos do país.

A sondagem baseada em 1.580 entrevistas foi divulgada pelo jornalista José Vicente Rangel, no programa que comanda aos domingos, transmitido pela Televen.

A pergunta feita foi a seguinte: O que o senhor preferiria, que o governo do presidente Maduro tome medidas efetivas e resolva embora em parte os problemas econômicos do país ou prefere que venha um governo de oposição?. Do total dos entrevistados, 58% responderam que prefere que Maduro resolva a situação e 39%  preferem um governo de oposição.

Entre as seis línhas estratégicas de ação que vão marcar a nova etapa da gestão do governo definidas pelo chefe de Estado está o avanço de um acordo econômico produtivo para a estabilização, o crescimento e a prosperidade do país e o fortalecimento e a ampliação das conquistas através do sistema de segurança e proteção social, implementado através do Carnè da Pátria.

Maduro reiterou seu chamado ao diálogo e a promoção de mesas de trabalho com setores empresariais para o impulso da recuperação da economia.

Além disso, a Assembleia Nacional Constituinte (ANC) promove assembleias com o poder popular organizado para a apresentação de propostas que se somarão às ações que esta instância toma para atender o tema econômico, como o combate a especulação, a fiscalização para zelar que os produtos sejam comercializados a preços justos, supervisão de empresas de produção, fortalecimento da moeda, exercício de um maior controle da fronteira e a determinação de preços sobre bens e serviços.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar