Publicidade

Diário Liberdade

[Alejandro Acosta] A Reserva Federal (banco central) norte-americana aumentou os juros em dezembro de 2015, de 0%-0,25% para 0,25%-0,50%. Devido ao aprofundamento da crise capitalista, os aumentos não conseguiram continuar em março, deixando para trás o longo período de taxas de juros a quase 0%.

Publicado em Brasil

321 pessoas suicidárom-se no nosso país em 2015, o que confirma a tendência à alta que sempre acompanha os períodos de crise do capitalismo. Se bem o capitalismo é em si um sistema desumano que desgarra a própria humanidade das pessoas, nomeadamente da classe trabalhadora, épocas de crise profunda como a atual levam a um aumento empiricamente verificável dos suicídios.

Publicado em Galiza
Terça, 03 Mai 2016 11:49

Um novo colapso capitalista mundial?

[Alejandro Acosta] Sobre o aporfundamento da crise capitalista mundial.

Publicado em Mundo

[Pepe Escobar] Fortes turbulências, esse parece ser o nome do jogo em 2016. Mesmo assim, a atual turbulência pode ser interpretada como a calma antes da próxima devastadora tempestade geopolítico-financeira.

Publicado em Mundo

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar