Publicidade

Diário Liberdade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Terça, 28 Junho 2016 20:10

CGTP-IN acusa o FMI de aplicar uma política de austeridade que empobreceu o país

Avalie este item
(0 votos)
País: Portugal / Laboral/Economia / Fonte: CGTP

Os parceiros sociais receberam, hoje, em sede de concertação social representantes do Fundo Monetário Internacional.

Na agenda do encontro estiveram as políticas e legislação do trabalho e o impacto fiscal, incluindo a reposição da lei das 35 horas de trabalho semanal para a função pública, o salário mínimo, a despesa pública e as desigualdades.

A CGTP-IN, à saída da reunião, através do Secretário-geral, Arménio Carlos disse não ter estranhado a ausência do chefe de missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) para Portugal, o senhor Subir Lall, tendo em linha de conta que este sabia que seria confrontado com factos e realidades que ligam directamente o FMI à exploração e ao empobrecimento da população portuguesa e do País.

Acrescentando ainda que "O FMI não pode pensar que chega a Portugal, define uma agenda política e chama os parceiros sociais para dar suporte a essa agenda política, sem dizer uma palavra, sem fundamentar uma posição, sem justificar aquilo que dizem", considerou o líder da central sindical, acrescentando que "eles [os técnicos] funcionam como robôs, entram para ouvir falar, tiram apontamentos, são confrontados com questões concretas, e não respondem".

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Publicidade
Publicidade

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar