Publicidade

Diário Liberdade
Quinta, 16 Março 2017 21:50 Última modificação em Domingo, 19 Março 2017 20:18

Chanceler alerta sobre tentativa de reativar ações contra democracia venezuelana

Avalie este item
(2 votos)
País: Venezuela / Direitos nacionais e imperialismo / Fonte: AVN

A chanceler da República, Delcy Rodríguez, advertiu nesta quarta-feira sobre as ações que o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, realiza para tentar destruir a democracia  venezuelana.

"Devemos estar alertas diante da tentativa de reanimar as páginas mais sombrias da organização que promoveu golpes de Estado contra o comandante Chávez", afirmou, ao receber um documento de apoio à Venezuela, por parte dos movimentos sociais e organizações de direitos humanos no país.

Almagro apresentou nesta terça-feira um relatório que rejeita o diálogo nacional e pede a suspensão da Venezuela na OEA, ações que foram denunciadas pelo Estado venezuelano como uma tentativa de estabelecer cenários favoráveis para uma intervenção na nação bolivariana.

A ação, denunciou a chanceler, forma parte de um complô entre a extrema-direita venezuelana e o secretário-geral da OEA, para conseguir derrubar o presidente da República, Nicolás Maduro.

"Embora (...) o povo jamais vai permitir uma intervenção, igualmente temos que alertar sobre estas ações que em cumplicidade com fatores fascistas mais extremistas, antidemocráticos e perigosos da direita  hemisférica; (Almagro) movimenta o ódio contra a Venezuela, contra o povo da Venezuela", explicou.

Segundo a chanceler, as intenções de Almagro não contam com o apoio dos países que formam parte do organismo internacional, mas insiste em criar um cenário de intervencionismo na Pátria de Bolívar.

"O senhor Almagro está derrotado no seio da OEA, porque (...) a maioria dos governos sabem o valor que tem a Venezuela, o valor que tem a paz e a estabilidade em nosso país para a região inteira (...) a maioria dos governos está de costas para Almagro", destacou.

Delcy Rodríguez condenou que Almagro incite a direita venezuelana a não participar das mesas de diálogo promovidas pelo Presidente Maduro.

"Este personagem chama a oposição para que não se sente no (processo) de diálogo. Ele é um personagem contra a paz (...) Almagro se transformou no líder contra o diálogo e percorreu o hemisfério para chamar o não diálogo", denunciou.

A chanceler disse que diante desta nova ameaça, os venezuelanos estão alertas para defender a soberania nacional diante de qualquer ingerência, com paz e uma grande demonstração cívico-militar.

"A Venezuela exercerá as ações que correspondam para exercer a integridade da pátria, para defender a paz da Venezuela, o direito à pátria e o futuro de nosso povo que é legado do Libertador (Simón Bolívar). Jamais nos entregaremos a nenhum império", afirmou.

Diário Liberdade é um projeto sem fins lucrativos, mas cuja atividade gera uns gastos fixos importantes em hosting, domínios, manutençom e programaçom. Com a tua ajuda, poderemos manter o projeto livre e fazê-lo crescer em conteúdos e funcionalidades.

Doaçom de valor livre:

Microdoaçom de 3 euro:

Adicionar comentário

Diário Liberdade defende a discussom política livre, aberta e fraterna entre as pessoas e as correntes que fam parte da esquerda revolucionária. Porém, nestas páginas nom tenhem cabimento o ataque às entidades ou às pessoas nem o insulto como alegados argumentos. Os comentários serám geridos e, no seu caso, eliminados, consoante esses critérios.
Aviso sobre Dados Pessoais: De conformidade com o estabelecido na Lei Orgánica 15/1999 de Proteçom de Dados de Caráter Pessoal, enviando o teu email estás conforme com a inclusom dos teus dados num arquivo da titularidade da AC Diário Liberdade. O fim desse arquivo é possibilitar a adequada gestom dos comentários. Possues os direitos de acesso, cancelamento, retificaçom e oposiçom desses dados, e podes exercé-los escrevendo para diarioliberdade@gmail.com, indicando no assunto do email "LOPD - Comentários".

Código de segurança
Atualizar

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar