Publicidade

Diário Liberdade

Situação na Bolívia vai depender da capacidade de mobilização da população contra ameaça golpista. Protestos no Chile derrubam mito do "oásis" neoliberal, e Equador e Haiti também convivem com levantes.

Publicado em Artigos em destaque
Domingo, 20 Outubro 2019 00:34

Equador: Um Outubro que foi Fevereiro

[Atilio Borón -traduçom do Diário Liberdade] Concluída a suposta negociaçom entre a cúpula dirigente da CONAIE e Lenin Moreno este 14 de Outubro ficou sentenciada a derrota do levantamento popular.

Publicado em Opiniom Própria
Segunda, 14 Outubro 2019 00:35

Equador: Nada detém o povo nas ruas

Jornal En Marcha, Edicão 1876 – Órgão Central do Partido Comunista Maxista-Leninista do Equador – PCMLE

Publicado em América Latina

"Sem qualquer justificativa neste momento, nosso sinal foi removido do canal de satélite 722 e do cabo 626 no Equador", denunciou Patricia Villegas Marin, presidenta da TeleSUR.

Publicado em América Latina

Estamos de volta ao livro “Ideias para adiar o fim do mundo”, de Ailton Krenak, líder indígena e ambientalista.

Publicado em Opiniom Própria

Só quando “os de baixo” não querem, e “os de cima”não podem continuar vivendo como antes, só então pode triunfar a revolução. Vladimir Ilitch Ulianov, alias, Lenin

Publicado em Opiniom Própria
Sexta, 11 Outubro 2019 01:20

Equador: Lenine contra Lenine

[Carlos Aznarez] A insurreição sempre foi uma arma dos povos humildes, desses condenados da terra dos quais falava Frantz Fanon.

Publicado em América Latina

O povo trabalhadore equatoriano lançou-se às ruas no início deste mês, coincidindo com a aprovaçom de um pacote neoliberal polo governo de Lenin Moreno. Trabalhadores e povos indígenas tomárom as ruas de diferentes cidades do país, ocupando instalaçons oficiais e forçando o governo a fugir de Quito para Guayaquil, tradicionalmente mais conservadora, embora viva também mobilizaçons.

Publicado em América Latina
Quinta, 12 Julho 2018 22:36

Correa e a revolução cidadã

A amostra mais recente do que a traição significa para um povo está sendo atualmente vivida no Equador, que confiou plenamente em Lenin Moreno e o escolheu como seu presidente graças a Rafael Correa, que colocou seu peito para ele e o honrou com o apoio. em um momento crítico para toda a América Latina; mas nem Correa nem os povos latino-americanos jamais imaginaram que ele seria o grande traidor dos últimos cem anos no continente e que com todo o seu ódio e mesquinharia (porque ele sabe muito bem que nunca será mesmo a sombra do sapato de Correa) atacaria as raízes da Revolução Cidadã para retirá-lo e instalar a política de terror, opressão e pilhagem novamente no país.

Publicado em Opiniom Própria
Terça, 10 Julho 2018 13:54

O Equador e o apagamento da Unasul

[Elaine Tavares] O presidente do Equador Lenin Moreno, que já foi vice de Rafael Correa e agora é seu desafeto, segue atuando na linha da destruição de tudo que foi feito de bom no governo de Correa e tem se apressado em apagar também todos os rastros da ligação do país com o bolivarianismo. Já deu claros sinais de que está tramando contra Julian Assange, asilado na embaixada do país em Londres, primeiro impedindo-o de se manifestar nas redes e depois retirando a segurança da embaixada. Essas movimentações estão provocando mais uma campanha mundial em favor da liberdade do criador da Wiki Leaks, visto que a probabilidade de Moreno tramar com os Estados Unidos sua extradição é cada vez mais possível.

Publicado em América Latina

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar