Publicidade

Diário Liberdade
Quinta, 13 Abril 2017 19:12

Ventos de Guerra

O sistema de poder dos Estados Unidos está a colocar a Humanidade à beira de uma guerra apocalíptica.

Publicado em Mundo

Mais de 80 pessoas foram mortas na província síria de Idlib, em Khan Cheikhoun, no dia 4 de abril, por um ataque que químico que usou gás sarin.

Publicado em Mundo

[Neil Clark, Tradução do Coletivo Vila Vudu] O falecido primeiro-ministro britânico Harold Wilson disse certa vez que, em política, uma semana é muito tempo. A verdade de sua frase foi provada mais uma vez, e muito espetacularmente, ao longo dos últimos sete dias.

Publicado em Mundo

[MK Bhadrakumar, Tradução do Coletivo Vila Vudu ]As reverberações do ataque de mísseis norte-americanos na Síria na 5a-feira são sentidas inexoravelmente na arena geopolítica. Uma série de desenvolvimentos ao longo do fim de semana assinalam que o conflito sírio está entrando em nova fase. O desenvolvimento de maiores consequências foi uma conversa telefônica no domingo à tarde entre o presidente da Rússia Vladimir Putin e seu contraparte iraniano Hassan Rouhani, por iniciativa do iraniano, para discutir a situação emergente na Síria e região.

Publicado em Mundo

Ao bombardear a Síria, os EUA colocam a Humanidade à beira de uma guerra apocalíptica cujo desfecho poderia ser o fim da humanidade.

Publicado em Mundo

Estudantes sírios protestaram neste sábado (08) em frente ao escritório das Nações Unidas na capital síria, Damasco, contra o ataque que os Estados Unidos realizaram na última sexta-feira à base aérea de Homs.

Publicado em Mundo

[Nazanin Armanian, traduçom do Diário Liberdade] A pretexto de castigar o governo de Bashar al Assad polo suposto uso de armas químicas contra a populaçom de Khan Sheikhoun no dia 4 de abril, o regime de Donald Trump lançou uns 60 mísseis sobre umha base militar síria, sem a autorizaçom da ONU, nem sequer a do Congresso dos EUA.

Publicado em Mundo
Sábado, 08 Abril 2017 19:33

Ataque à Síria é show de músculos de Trump

[Pepe Escobar; Tradução do Coletivo Vila Vudu] Os EUA dispararam algumas dezenas de mísseis cruzadores contra uma base aérea na Síria controlada pelo presidente Bashar al-Assad, na manhã de 6ª-feira (horário de Pequim) em resposta a um ataque com arma química que teria acontecido antes. O presidente dos EUA Donald Trump disse "não há dúvida de que a Síria usou armas químicas proibidas, violou suas obrigações sob a Convenção para Armas Químicas e ignorou determinações do Conselho de Segurança da ONU."

Publicado em Mundo
Sábado, 08 Abril 2017 11:12

Síria: fissão tóxica

[Pepe Escobar; Tradução do Coletivo Vila Vudu] "Esses atos odiosos do regime Assad não podem ser tolerados." Assim falou o presidente dos EUA.

Publicado em Mundo

Diversas cidades por todo o território estadunidense recebem nesta sexta-feira (07) e também no final de semana protestos contra o bombardeio dos Estados Unidos contra instalações militares na Síria, primeiro ataque aberto de Washington em seis anos de guerra daquele país contra os terroristas.

Publicado em Mundo

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar