Publicidade

Diário Liberdade
Quinta, 14 Junho 2018 09:00

Brasil entrega riquezas do pré-sal

[Elaine Tavares] A Petrobras é uma empresa que nasceu nos anos 50 justamente para garantir que o monopólio do petróleo ficasse sob o controle do estado brasileiro. Naqueles dias de 1953 o país viveu uma poderosa campanha tanto do lado de quem queria entregar o petróleo brasileiro para as empresas estadunidenses, quanto para os que se somavam ao grito de “o petróleo é nosso”. Ao final, venceu a ideia nacionalista de manter esse produto estratégico sob o controle do estado. E isso só começou a mudar em 1997 sob o governo de Fernando Henrique Cardoso. A partir daí a empresa foi privatizando e hoje tem o seu capital aberto, ainda que o estado mantenha a maioria das ações. 

Publicado em Artigos em destaque
Domingo, 10 Junho 2018 16:22

Lá vem o ciclone do petróleo!

[Pepe Escobar, Tradução da Vila Vudu] Aí vai a versão curta e doce.

Publicado em Mundo

"A entrega dessas reservas está condenando gerações futuras a não poder desfrutar da riqueza desse recurso que foi descoberto pela Petrobras e está sendo apropriado pelas multinacionais", afirma FUP

Publicado em Mundo

A greve dos caminhoneiros chamou a atenção para o custo dos combustíveis derivados de petróleo no Brasil, situação que o consumidor já vinha sentindo cotidianamente. A alta dos combustíveis está diretamente associada à política de preços instituída em 2016 pela nova gestão da Petrobras, que tinha o Sr. Pedro Parente à frente. Com a medida, a estatal abriu mão de controlar diretamente o preço, evitando variações inflacionárias, para determiná-lo de acordo com o preço do mercado internacional.

Publicado em Brasil

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, denunciou nesta terça-feira (05) que membros do governo dos Estados Unidos estiveram por trás das máfias dentro da empresa Petróleos de Venezuela (Pdvsa), que foram desarticuladas com o trabalho do Ministério Público (MP).

Publicado em América Latina

[Pepe Escobar, de Doha, Tradução da Vila Vudu] Rússia e Arábia Saudita estão em debate profundo sobre aumentar a produção de petróleo OPEP e não OPEP em 1 milhão de barris/dia para compensar a queda drástica na produção na Venezuela além de possíveis reduções depois que as novas sanções dos EUA contra o Irã entrarem em vigência em novembro.

Publicado em Mundo

[Elaine Tavares] A crise do desabastecimento por conta da greve dos caminhoneiros vai passando devagar, deixando marcas indeléveis. E as redes sociais seguem no interminável frisson de notícias falsas e de fabricação de realidades que vão se incorporando na mente de muita gente que não tem outra fonte de informação. E assim, a televisão – cujo comando está nas mãos de quatro famílias e uma igreja – e o facebook, vão moldando pensamentos e ações. Nessa ciranda, tanto as gentes da direita como as da esquerda vão gestando um caldo grosso de mentiras e desinformação. As redes viraram pântanos onde no mais das vezes só é possível se afogar.

Publicado em Brasil

O Brasil amanheceu nesta quarta-feira (30) com as refinarias, plataformas e terminais da Petrobras paralisados devido à greve de ao menos 72 horas decretada pela Federação Única dos Petroleiros (FUP).

Publicado em Brasil

Apesar da enorme campanha da imprensa golpista pelo fim da greve dos caminhoneiros, a mobilização continua, com milhares de governo se opondo às manobras do governo Temer de encenar que atendeu a todas as reivindicações da categoria, quando isso nem de longe reflete a realidade.

Publicado em Brasil

[Antônio Carlos Silva] O decreto de intervenção das Forças Armadas contra a greve dos caminhoneiros na tarde da última sexta-feira, dia 25, evidenciou ainda mais o verdadeiro caos que o regime golpista vem impondo ao País, mas fracassou.

Publicado em Brasil

Quem somos | Info legal | Publicidade | Copyleft © 2010 Diário Liberdade.

Contacto: info [arroba] diarioliberdade.org | Telf: (+34) 717714759

Desenhado por Ritech

O Diário Liberdade utiliza cookies para o melhor funcionamento do portal.

O uso deste site implica a aceitaçom do uso das ditas cookies. Podes obter mais informaçom aqui

Aceitar